TJ-BA aplica pena de advertência em juiz por usar carro apreendido pela polícia

0

O Pleno do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), ocorrido na última sexta-feira (15), aplicou a pena de advertência ao juiz Claudio Santos Pantoja Sobrinho por ceder, de forma irregular, 45 veículos apreendidos pela Polícia para terceiros e utilizar um carro em benefício próprio. De acordo com o relato, lido pela desembargadora Ivete Caldas, que havia pedido vista do processo, o juiz utilizava em proveito próprio um Ford Ranger azul apreendido pela Polícia de Juazeiro, quando atuava na comarca de Remanso, no sertão do São Francisco. O processo administrativo disciplinar contra o magistrado foi relatado pela desembargadora Inêz Maria Santos Miranda. As cessões dos veículos ocorreram entre os anos de 2003 a 2009.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here