Veja as 10 profissões que melhor pagam no Brasil

0

Em tempos de crise, qual ou quais a profissões que pagam melhor em 2016 no Brasil? Uma pesquisa da  consultoria Michael Page para Exame mostrou que os cargos executivos mais valorizados pelo mercado de trabalho brasileiro em 2016.

Além dos salários em termos absolutos, o levantamento  considerou os cargos com maior remuneração proporcionalmente ao seu nível de senioridade.

Ou seja, há executivos mais bem pagos do que os apresentados no estudo, mas em camadas hierárquicas muito altas. A sua liderança em termos salariais não traz, em si, nenhuma novidade.

O levantamento se baseou em dados reunidos nos últimos 12 meses a partir de entrevistas de emprego feitas pela Michael Page. A consultoria faz em média 100 mil conversas com executivos por ano.

1) Diretor de distressed credit
Área: Bancos
Salário: 35 mil – 45 mil reais

Muitos bancos contam com a área de distressed credit, dedicada a “salvar” alguns negócios com dificuldades financeiras. “Como há muitas empresas nessa situação agora, o diretor dessa área ganhou um papel ainda mais estratégico”, diz Henrique Bessa, diretor da consultoria Michael Page.


2)Diretor tributário

Área: Finanças
Salário: 30 mil – 40 mil reais

Este profissional tem sido muito valorizado porque sua atuação gera importantes cortes de custos para a empresa, diz Henrique Bessa, diretor da Michael Page. Seu papel é fazer a gestão de compliance tributário, sobretudo com viés consultivo para outras áreas de negócio.

3) Diretor de tesouraria
Área: Finanças
Salário: 30 mil – 40 mil reais

De acordo com Bessa, o diretor de tesouraria é procurado principalmente por empresas com alto nível de endividamento. Ele também tem sido valorizado por companhias de capital intensivo de grande porte.

4) Especialista sênior em treasury sales
Área: Bancos
Salário: 25 mil – 40 mil reais

Este profissional pensa em alternativas de receita dentro da área de tesouraria de um banco, e essa função estratégica é o principal motivo por trás de sua boa remuneração. São preferidos para a posição executivos com forte bagagem técnica e facilidade de relacionamento com clientes.

5)Diretor de operações
Área: Engenharia
Salário: 25 mil – 35 mil reais

Com sua visão generalista das verticais de uma indústria, o diretor de operações é cada vez mais demandado no Brasil, ainda mais num cenário difícil para a economia, com quadros mais enxutos. “Por centralizar as diretrizes de todas as áreas, o COO estabelece uma única interface das operações com o comando das empresas, o que facilita a comunicação e unifica a estratégia do grupo”, explica Bessa.

6) Superintendente/diretor clínico
Área: Saúde
Salário: 25 mil – 35 mil reais

Bessa afirma que o cenário hospitalar no Brasil passa por um processo de profissionalização e pelo estabelecimento de novas políticas de gestão. No entanto, ainda é difícil encontrar um executivo do setor com competências para funções administrativas e operacionais, com foco em resultados financeiros, o que explica sua valorização.


7) Gerente de leasing/locações

Área: Construção e imobiliária
Salário: 25 mil – 30 mil reais

Como o mercado corporativo de lajes comerciais está saturado, diz Bessa, muitas empresas têm renegociado aluguéis ou se mudado para espaços com melhor custo-benefício. Assim, elas procuram – e remuneram bem – quem trabalha com transições imobiliárias, especialmente leasing/locações. Esses profissionais são buscados tanto em empresas prestadoras de serviços de real estate quanto incorporadoras.

8) Diretor de novos negócios
Área: Vendas e marketing
Salário: 24 mil – 32 mil reais

A principal responsabilidade deste profissional é diversificar o mercado de atuação da empresa. Ao buscar oportunidades não mapeadas de receita, ele ajuda o negócio a sobreviver em meio à difícil condição econômica do país.


9) Diretor de tecnologia (e-commerce)

Área: Tecnologia da informação
Salário: 20 mil – 30 mil reais

A popularização do e-commerce no Brasil tem exigido uma rápida atualização da infra-estrutura das empresas. “Se o sistema cai, as vendas são interrompidas”, diz Bessa. Por isso, é fundamental contar com um profissional de nível sênior para garantir a eficiência da área. Como o e-commerce é uma realidade relativamente recente no país, ainda há poucos executivos maduros com experiência nesse setor. É o que explica sua posição de destaque no mercado, diz o diretor da Michael Page.


10) Diretor comercial de seguros (Pequenas e médias empresas)

Área: Seguros
Salário: 20 mil – 25 mil reais

Segundo Bessa, o mercado de seguros para PMEs costuma ser bem menos explorado em cenários mais positivos para a economia, porque os grandes clientes vão bem – e todas as atenções das seguradoras estão voltadas para eles. Quando há dificuldades conjunturais, esta frente acaba abrindo oportunidades novas de negócio, e exige diretores comerciais com habilidades específicas para lidar com esse público.

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here