PARTE DOS SERVIDORES DISCORDA DE ACORDO

0

O acordo firmado entre os Sindseps (sindicato que representa os servidores municipais de Salvador) e a Prefeitura que pôs fim à greve da categoria não agradou a todos. Os funcionários municipais organizados através da Frente de Associação dos Servidores (FAS), em nota, destacam que o acordo apenas livrou os líderes da greve de um processo judicial, já que a Prefeitura teria garantido retirar a ação judicial – a manifestação foi considerada ilegal pelo Tribunal de Justiça (TJ-BA). O acordo concordou com um reajuste de 6%, muito abaixo dos 40% pedidos pela categoria, e, como destacam os insatisfeitos, menor que os 19,84% concedido aos professores da rede municipal em maio deste ano. A proposta da Prefeitura aceita pelo Sindseps não contemplaria ainda a votação do Plano de cargos e salários neste ano, mas apenas a formação de um grupo de estudo para elaborar o projeto, para ser apreciado apenas em 2012. “O sindicato preferiu convencer nossos colegas a aceitar essa migalha, isso não papel de sindicato”, reclamou Edinei Machado, da Associação de Servidores da Sucop.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here