PF indicia Lula no caso do tríplex do Guarujá

0

A Polícia Federal indiciou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na investigação sobre o tríplex no Guarujá. A esposa dele, Marisa Leticia, e mais três pessoas também foram indicadas por corrupção ativa, passiva e lavagem de dinheiro.

Além de Lula e Marisa, o ex-presidente da OAS Léo Pinheiro, o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, e o arquiteto Paulo Gordilho também foram indiciados.

O ex-presidente e a esposa foram beneficiários de vantagens ilícitas, segundo a investigação, por valores que chegam R$ 2,4 milhões referentes a obras do imóvel.

O inquérito da PF foi centralizado na reforma do tríplex, construído pela Bancoop (cooperativa habitacional do sindicato dos bancários), que teve como presidente o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto.

Vaccari Neto está preso desde abril de 2015. O imóvel foi adquirido pela OAS e recebeu benfeitorias da empreiteira, acusada de corrupção na Petrobrás.

O petista é alvo de três investigações centrais na Operação Lava Jato, em Curitiba – sede do escândalo de cartel e corrupção na Petrobrás, e esse é o primeiro indiciamento formal contra ele.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here