Pessoas estão fazendo menos sexo graças à Netflix, internet e vídeo game, aponta estudo

0

Estudos realizados nos Estados Unidos e no Reino Unido apontaram que as pessoas estão fazendo menos sexo. Desde 1972, o National Opinion Research Center, centro de pesquisa de opinião da Universidade de Chicago, fazem entrevistas sobre assuntos variados, entre eles comportamento. Dados da mais recente pesquisa revelam que 23% dos participantes declararam não ter feito sexo nos últimos 12 meses – quase o dobro do número registrado há 10 anos, em 2008.

A notícia continua após esta Publicidade

De acordo com informações do R7, os pesquisadores ficaram surpresos com a proporção “muito maior do que o esperado” de homens com menos de 30 anos que disseram estar sem fazer sexo há pelo menos um ano: 28% dos participantes com idade entre 18 e 30 anos, o triplo do número registrado em 2008. As mulheres mais jovens também estão fazendo menos sexo, mas o aumento nesse segmento foi de 8% na última década.

Já o estudo da publicação acadêmica British Medical Journal usou dados de uma pesquisa com 45 mil pessoas que é feita a cada dez anos desde 1990 para tentar mapear o comportamento sexual dos britânicos. O resultado mais recente mostrou que quase um terço dos homens e mulheres no Reino Unido disseram não ter feito sexo nos últimos 30 dias.

Pesquisadores da universidade britânica London School of Hygiene and Tropical Medicine afirmam que a queda na atividade sexual no Reino Unido é observada entre pessoas que já foram mais ativas. Para eles, grandes transformações observadas nas últimas décadas podem ter contribuído para mudar a frequência com que as pessoas fazem sexo, como o aumento do consumo de pornografia online, além de serviços de streaming como o Netflix, video games e redes sociais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here